O Bolsa-família é a junção de programas sociais criados por FHC e a Estabilização da Economia é OBRA DE ITAMAR E FHC.




Blogueiros Decentes

Ainda que teus passos pareçam inúteis, vai abrindo caminhos,

como a água que desce cantando da montanha. Outros te seguirão...

(Saint-Exupéry)



terça-feira, 31 de março de 2009

31 de Março...

Minha homenagem ao que foi positivo no Movimento de 1964, que impediu que a "esbórnia" se instalasse no Brasil na época!
Lamento pelos erros e pelos excessos dos militares e pelas pessoas boas, e pelos picaretas, que tombaram por suas crenças e realidades, por sua fé ou ingenuidade, ou enganação!
Sem comparações, é claro, com o "cumpanhero" ditador sanquinário fidel, que assassinou 100.000 cubanos (seres humanos), no seu "Paraíso socialista".
Apenas para exemplificar 2 casos...
Lamento também pelo jovem Mario Kozel Filho (ser humano), de 19 anos, morto em 1968 pelos "idealistas".

Lamento também pelo Orlando Lovecchio que perdeu a perna em atentado na Av. Paulista e tem uma pensão de R$ 571,00.
Quem matou o Mario e deixou as bananas de dinamite para o Orlando, recebeu R$ 400 mil de indenização e uma pensão mensal de R$1,6 mil, o triplo do que ganha Orlando, uma das vítimas.
Será que por ter matado o soldado Mário Kozel Filho e praticado tantos crimes, é que a Comissão de Anistia e o Ministro da ‘Justiça’, Tarso Genro, premiaram o autor dos atentados?
Isso, sim, é que é regime de exceção!
Por que falar dos militares?

Quais os militares que ficaram absurdamente ricos, após a revolução de 64?
Alguém pode comparar com as "maracutaias" de hoje?
O único caminho é "descer o cacete" na "Dita'dura' da revolução".
Porque pela competência e pela dignidade... fica impossível!

Amanhã, sim!
"Primeiro de Abril"

Amanhã podemos comemorar, com toda a justiça, o atual estado das coisas no Brasil!

Reproduzo a lista abaixo, do
http://www.aore.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=26:kozel&catid=5:historia&Itemid=6
As famílias dos patriotas abaixo, ao contrário dos celerados membros da camarilha ‘companheira’ não receberam, até hoje, nenhuma indenização por parte da Comissão de Anistia e do Ministro da ‘Injustiça’, Tarso Genro.
12/11/64 - Paulo (Vigia - RJ)
27/03/65 - Carlos Argemiro (Sargento do Exército - PR)
25/07/66 - Edson Régis De (Jornalista - PE)
25/07/66 - Nelson Gomes (Almirante - PE)
28/09/66 - Raimundo De Carvalho (Cabo Pm - GO)
24/11/67 - José Gonçalves Conceição (Fazendeiro - SP)
07/11/68 - Estanislau Ignácio (Civil - SP)
15/12/67 - Osíris Motta (Bancário - SP)
10/01/68 - Agostinho F. Lima - (Marinha Mercante - AM)
31/05/68 - Ailton De (Guarda Penitenciário - RJ)
26/06/68 - Mário Kozel (Soldado Do Exército - SP)
27/06/68 - Nelson (Sargento PM - RJ)
27/06/68 - Noel De Oliveira (Civil - RJ)
01/07/68 - Von Westernhagen (Major Ex. Alemão - RJ)
07/09/68 - Eduardo Custódio (Soldado PM - SP)
20/09/68 - Antônio Carlos (Soldado PM - SP)
12/10/68 - Charles Rodney (Capitão do Ex. Usa - SP)
12/10/68 - Luiz Carlos (Civil - RJ)
25/10/68 - Wenceslau Ramalho (Civil - RJ)
07/01/69 - Alzira B. De Almeida - (Dona de Casa - RJ)
11/01/69 - Edmundo Janot (Lavrador - RJ)
29/01/69 - Cecildes M. de Faria (Inspetor de Pol. - MG)
29/01/69 - José Antunes Ferreira (Guarda Civil - MG)
14/04/69 - Francisco Bento (Motorista - SP)
14/04/69 - Luiz Francisco (Guarda Bancário - SP)
08/05/69 - José (Investigador De Polícia - SP)
09/05/69 - Orlando Pinto (Guarda Civil - SP)
27/05/69 - Naul José (Soldado Pm - SP)
04/06/69 - Boaventura Rodrigues (Soldado PM - SP)
22/06/69 - Guido - Natalino A. T. (Soldados PM - SP)
11/07/69 - Cidelino Palmeiras (Motorista de Táxi - RJ)
24/07/69 - Aparecido dos Santos (Soldado PM - SP)
20/08/69 - José Santa (Gerente De Banco - RJ)
25/08/69 - Sulamita Campos (Dona De Casa - PA)
31/08/69 - Mauro Celso (Soldado PM - MA)
03/09/69 - José Getúlio - João G. (Soldados da PM)
20/09/69 - Samuel (Cobrador de Ônibus - SP)
22/09/69 - Kurt (Comerciante - SP)
30/09/69 - Cláudio Ernesto (Agente da PF - SP)
04/10/69 - Euclídes de Paiva (Guarda Particular - RJ)
06/10/69 - Abelardo Rosa (Soldado PM - SP)
07/10/69 - Romildo (Soldado PM - SP)
31/10/69 - Nilson José de Azevedo (Civil - PE)
04/11/69 - Estela Borges (Investigadora do Dops - SP)
04/11/69 - Friederich Adolf (Protético - SP)
07/11/69 - Mauro Celso (Soldado PM - MA)
14/11/69 - Orlando (Bancário - SP)
17/11/69 - Joel (Sub-Tenente PM - RJ)
17/12/69 - Joel (Sargento - PM - RJ)
18/12/69 - Elias (Soldado do Exército - RJ)
17/01/70 - José Geraldo Alves Cursino (Sgt PM - SP)
20/02/70 - Antônio A. Posso Nogueró (Sgt PM - SP)
11/03/70 - Newton de Oliveira Nascimento
31/03/70 - Joaquim (Investigador de Polícia - PE)
02/05/70 - João Batista (Guarda de Segurança - SP)
10/05/70 - Alberto Mendes (1º Tenente PM - SP)
11/06/70 - Irlando de Moura (Agente da PF - RJ)
15/07/70 - Isidoro (Guarda de Segurança - SP)
12/08/70 - Benedito (Capitão do Exército - SP)
19/08/70 - Vagner L. Vitorino (Guarda de Seg. - RJ)
29/08/70 - José Armando (Comerciante - CE)
14/09/70 - Bertolino Ferreira (Guarda de Seg. - SP)
21/09/70 - Célio (Soldado PM - SP)
22/09/70 - Autair (Guarda de Segurança - RJ)
27/10/70 - Walder X. (Sargento da Aeronáutica - BA)
10/11/70 - José Marques (Civil - SP)
10/11/70 - Garibaldo (Soldado PM - SP)
10/12/70 - Hélio de Carvalho (Agente da PF - RJ)
07/01/71 - Marcelo Costa Tavares (Estudante - MG)
12/02/71 - Américo (Soldado PM - SP)
20/02/71 - Fernando (Comerciário - RJ )
08/03/71 - Djalma Pelucci (Soldado PM - RJ)
24/03/71 - Mateus Levino (Tenente da Fab - PE)
04/04/71 - José Júlio Toja (Major do Exército - RJ)
07/04/71 - Maria Alice (Empregada Doméstica - Rj)
15/04/71 - Henning Albert (Industrial - SP)
10/05/71 - Manoel Silva (Soldado PM - SP)
14/05/71 - Adilson (Artesão - RJ)
09/06/71 - Antônio Lisboa Ceres (Civil - RJ)
01/07/71 - Jaime Pereira (Civil - RJ)
02/09/71 - Gentil Procópio (Motorista de Praça - PE)
02/09/71 - Gaudêncio - Demerval (Guardas Seg. - RJ)
--/10/71 - Alberto Da Silva (Civil - RJ)
22/10/71 - José (Sub-Oficial da Marinha - RJ)
01/11/71 - Nelson Martinez (Cabo PM - SP)
10/11/71 - João (Cabo PM - SP)
22/11/71 - José Amaral (Guarda De Segurança - RJ)
27/11/71 - Eduardo Timóteo (Soldado PM - RJ)
13/12/71 - Hélio F. (G.Seg. - RJ) - Manoel da Silva (Com.) - Francisco B. (Mot.)
18/01/72 - Tomaz P. de Almeida (Sargento PM - SP)
20/01/72 - Sylas Bispo Feche (Cabo PM - SP)
25/01/72 - Elzo Ito (Estudante - SP)
01/02/72 - Iris (Civil - Rio De Janeiro)
05/02/72 - David A. (Marinheiro Inglês - RJ)
15/02/72 - Luzimar Machado De (Soldado PM - GO)
27/02/72 - Napoleão Felipe Bertolane (Civil - SP)
06/03/72 - Walter César (Comerciante - SP)
12/03/72 - Manoel (Guarda de Segurança - SP)
12/03/72 - Aníbal F. de A. (Coronel Exército - SP)
12/03/73 - Pedro (Capataz da Fazenda Capingo)
08/05/72 - Odilon Cruz (Cabo do Exército - PA)
02/06/72 - (Sargento PM - SP)
29/06/72 - João (Mateiro da Região do Araguaia - PA)
Set/72 - Osmar (Posseiro - PA)
09/09/72 - Mário Domingos (Detetive Polícia Civil - RJ)
23/09/72 - Mário Abraim Da (2º Sgt do Exército - PA)
27/09/72 - Sílvio Nunes (Bancário - RJ)
01/10/72 - Luiz Honório (Civil - RJ)
06/10/72 - Severino F. - José I. (Civis - PE)
21/02/73 - Manoel Henrique (Comerciante - SP)
22/02/73 - Pedro Américo Mota (Civil - Rio De Janeiro)
25/02/73 - Octávio Gonçalves Moreira (Del. de Pol - SP)
.../06/73 - Francisco Valdir (Soldado do Exército - PA)

2 comentários:

  1. Eram outros tempos. O mundo vivia uma guerra entre as democracias e as ditaduras socialistas, tipo Cuba e União Soviética.

    As esquerdas procuravam instituir no Brasil uma ditadura tipo cubana, onde quem discordasse do governo teria como recompensa o Paredon (não é o mesmo do BBB, mas sim a morte sumária por fuzilamento)

    Do outro lado, apesar de um regime de excessão, estavam aqueles que queriam que o Brasil fosse uma democracia.

    Os inocentes mortos estão esquecidos, mas nem por todos como o autor deste blog bem lembrou. Seus assassinos hoje estão no poder desfrutando de todas a benesses que conseguem com o dinheiro do contribuinte.

    ResponderExcluir
  2. "EU DIGO NÃO Á DILMA."


    PT recebeu R$ 1,2 mi em doações legais de construtora Camargo Corrêa

    Oficialmente o PT recebeu de empresas do grupo Camargo Corrêa cerca de R$ 1,23 milhão na campanha municipal de 2008.

    Existem até outras doações legais feitas pelo grupo Camargo Corrêa, além das que aparecem como contribuições de campanha registradas em 2008 para candidaturas e para comitês financeiros. Isso porque a empresa também pode repassar seus recursos diretamente para os comandos dos partidos e esses podem transferi-los conforme seu interesse. Mas os partidos precisam declarar posteriormente de quem receberam essas doações.
    Outros partidos ainda não anunciaram publicamente quanto ganharam da empreiteira dentro desse sistema. Entre as doações registradas legalmente para o PT, a candidata à Prefeitura de Curitiba, Gleisi Hoffman, foi quem mais recebeu diretamente da Camargo Corrêa: R$ 500 mil. Eleito prefeito no Recife, João da Costa (PT) teve doação de R$ 200 mil. Nos recursos repassados pela Cavo, o ex-ministro Luiz Marinho, eleito em São Bernardo do Campo, obteve R$ 20 mil. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    ResponderExcluir